Tabela de Consumo Aparelhos Elétricos e Eletrônicos

Consumo de Energia

Consumo de energia de Aparelhos Elétricos

Tabela de Consumo de Alguns Aparelhos Elétricos e Eletrônicos.

Confira a média de consumo de energia dos principais equipamentos eletrônicos de uma empresa ou escritório em VA(volts amperes).

# Equipamento Consumo em VA(Volts Amperes)
1 Microcomputador On-Board 200 VA
2 Microcomputador Off-Board 250 VA
3 Servidor de pequeno porte 350 VA
4 Servidor de médio porte 480 VA
5 Servidor de médio porte com 2 fontes 620 VA
6 Monitor de 15” 150 VA
7 Monitor de 17” 230 VA
8 Monitor de 19” 290 VA
9 Monitor de 21” 345 VA
10 HUB 14-24 100B-T 85 VA
11 Rateador Padrão 50 VA
12 Scanner Padrão 120 VA
13 Impressora matricial 80 colunas 100 VA
14 Impressora matricial 140 colunas 145 VA
15 Impressora jato de tinta 100 VA
16 Impressora laser simples 850 VA
17 Impressora laser high-end 1600 VA

Importante!

É recomendado o uso máximo de 80% de carga na saída do nobreak ou estabilizador de sua potência nominal.


Tensões de nobreaks e estabilizadores.

As tensões dos nobreaks podem ser monofásica ou trifásica. Normalmente possuímos em nossas empresas as tensões 110V e 220V monofásicas.

Tecnologias.

  • Line-Interactive:

    Nobreak com pequeno intervalo (tempo de transferência) na comutação entre rede e bateria e vice-versa, porém sincronizado com a rede local. Possui estabilizador interno. Quando usado em baterias, fornece onda senoidal por aproximação (PWM). Não indicado para equipamentos com fontes lineares, balanças e motores. Trabalha normalmente com equipamento de informática e de fonte chaveada.
  • On-line conversão simples:

    Equipamentos com chaveamento de rede para inversor e vice-versa, porém com tensão senoidal tanto em rede quanto em bateria. Possui estabilizador interno. Indicado para qualquer equipamento que permita algum ruído de transferência e filtro com menor eficiência.
  • On-line dupla conversão:

    Equipamentos que realizam toda a monitoração possível quanto à qualidade da energia disponibilizada para a carga. Possui circuitos que regeneram toda e qualquer anormalidade encontrada no fornecimento da rede local. Dispensa estabilizador interno porque constrói uma tensão totalmente nova na saída, livre de variações e distorções. Altíssima confiabilidade. Indicado para qualquer equipamento.

Autonomia

Normalmente, podem variar entre quinze minutos (as chamadas “padrão”) e quatro horas com módulos de bateria externa. A autonomia varia de acordo com a quantidade de carga ligada na saída do nobreak.